Entrevistas

Entrevistas

Entrevista | A encrenca que nos espera

A melhor opção é que os candidatos, em vez de ficarem se agredindo uns aos outros, dialoguem com a população, conclamem a que se valorize a democracia eleitoral. O ambiente é de mal-estar, com pouca tolerância e pouca paciência para o debate democrático. Chegamos próximos do que se poderia chamar de abismo.

Leia mais »
Entrevistas

Os novos termos do jogo político e social

ENTREVISTA. Quando pensamos em “redes e ruas”, abrimo-nos por inteiro para a sociabilidade contemporânea. Vivemos cada vez mais intensamente em redes sociais e das redes passamos para as ruas, indo do virtual para o presencial. As redes estão fazendo com que mudemos nossas preferências em relação a muitas coisas. Produzem cultura e alteram o modo como nos comunicamos.

Leia mais »
Entrevistas

Revisitando a obra de Gramsci

ENTREVISTA. O jornalista Leonardo Cazes elaborou uma reportagem para O Globo sobre Gramsci, os 80 anos de sua morte e a recepção de sua obra no Brasil. Como parte desta elaboração, me apresentou algumas questões, que respondi por escrito.

A reportagem foi publicada no dia 26/4/2017 no Caderno Prosa & Verso do jornal.

Leia mais »
Entrevistas

Baixo nível e desqualificação do debate público

ENTREVISTA. As redes sociais são câmaras de eco que incrementam tudo o que se fala. O barulho de um alfinete se compara a um trovão. O baixo nível do debate também reflete a desqualificação dos partidos. Os partidos perderam a capacidade de orientar seus militantes. Não há orientação clara a respeito do que deve ser feito, especialmente quando se tenta pensar a política como um exercício que não é dedicado a destruir o adversário. Mas a política também tem uma face nobre. Os partidos deveriam ser canais de agregação de lideranças e intelectuais que pudessem funcionar como educadores cívicos. Mas não atuam assim.

Leia mais »